Lilith em Capricórnio: como age e qual o seu significado?



Ódio ou amor, Lilith é uma figura mitológica capaz de gerar os dois extremos. Protagonista de história conturbada, ela, desde o início das civilizações, é considerada uma das maiores rivais do patriarcado.

De outro modo não poderia ser, afinal, o que é Lilith que não grande representante do feminino? Em sua homenagem, foi nomeado o asteróide 1181, com descoberta em 11 de fevereiro de 1827 e, sobre ela, também paira o título de segundo satélite terrestre, até porque, sendo considerada a própria lua, ela tem muita influência sobre a mulher.

lilith em capricórnio





e

Características dos signos

Destaca-se ainda que, alinhada a Hécate, Kali e outras, Lilith pertence ao grupo das deusas escuras, e que, por constituir o momento em que a Lua está “invisível” aos olhos humanos no céu, escondida nas sombras, Lilith na Astrologia é chamada de “Lua Negra”.

Contudo, ainda que exprima a face escura da Lua, ela não pode ser tida como má, pois apenas traz à superfície aquilo que se tenta esconder, ou seja, as vontades, instintos, rebeldia e inseguranças, o que não é ruim, porque, para uma evolução sentimental saudável, também se deve olhar para a escuridão que todos temos.

Neste sentido, relembra-se que a deusa é prova de que não adiantar tentar esquecer algo apenas por não gostar dele, já que, mesmo tentando apagá-la, ela permaneceu, tal como a lua, que nunca desaparece totalmente. Assim, a influência de Lilith pode ser benéfica quando se aprende a conviver, ao passo que pode ser tóxica se tentarmos negá-la.

Neste artigo, você vai desvendar quem é Lilith, o que é Lilith, quais as características de Lilith em Capricórnio e a influência de Lilith sobre esse signo.

O que é Lilith e qual é sua história?

Comum a todos as religiões, Lilith ainda assim é uma desconhecida para a maioria das pessoas. O motivo disso? Ela foi riscada das Sagradas Escrituras por ir contra os ideais patriarcais.

Quando Sol e Lua e foram feitos, eram iguais em tamanho e luz, e, por isso, viviam em constante desavença. Deus, para encerrar com as discussões, ordenou que a Lua se distanciasse, fazendo com que ela perdesse sua luz própria.

A partir disso, surgiu a Lua Negra, ou Lilith, que foi banida dos céus e, na Terra, foi criada do mesmo barro que Adão “à imagem de Deus o criou: macho e fêmea os criou.” (Gênesis, 1,27).

Equivalente a Adão, ela não se conformou com as tentativas dele de se sobrepor, principalmente no sexo, quando exigia permanecer por cima. Cansada disso, Lilith resolveu sair do Jardim do Éden.

A decisão era definitiva, já que, mesmo sob as ameaças de Sanvi, Sansanvi e Samangelaf, os três anjos que Deus enviou para buscá-la compadecido das lamúrias de Adão, ela se manteu firme em sua resolução.

Por contrariar o que Deus e Adão queriam, ela se tornou símbolo da rebeldia da mulher contra o machismo, um demônio feminino, que noivou com o Senhor das forças do mal (Samael), sendo criada Eva, da costela de Adão para “suprir” seu espaço no Éden.

O que representa Lilith na Astrologia

Sendo Lilith na Astrologia a Lua Negra, ela também traduz a sexualidade, os instintos e os desejos obscuros. Contudo, há duas correntes de astrólogos sobre esse tema: Uma que nega a influência de Lilith e outra que a considera primordial para qualquer análise de si mesmo.

Mas não é apenas isso, Lilith nos signos, também espelha a insatisfação que todos possuímos, sobretudo quando as expectativas são frustradas (assim como as da Deusa no Éden) que podem impedir de se alcançar a felicidade plena, muito ligado também às experiências da infância.

Por outro lado, Lilith na Astrologia também trabalha o potencial que todos possuem que varia muito em intensidade dependendo da Lilith nos signos, estando totalmente ligado com os talentos e a capacidade de autodeterminação, ressaltando que, se não for trabalhada, essa energia pode exacerbar a insatisfação e as doenças da alma.

Características de Lilith em Capricórnio

Ver as características de Lilith em Capricórnio pode ser um pouco destoante do que a lógica propõe, afinal, o que é o que o signo mais “certinho” do zodíaco pode tem da deusa rebelde? A resposta é mais simples do que se pode pensar: ambição.

Tal como a deusa, Capricórnio não poupa esforços para alcançar seus objetivos e adora um desafio. Também tem uma dificuldade contínua de acatar negativas, de modo que, se não aceitarem sua posição, é bem possível que a pessoa construa do seu próprio jeito, portanto, Capricórnio, mesmo agarrado às regras, é muito mais agarrado ao seu próprio sucesso.

Querer o mundo a seus pés é outra característica que tem em comum.

Quem possui Lilith em Capricórnio no mapa astral tem certa dificuldade se livrar das amarras do moralismo em sua vida sexual, mas isso não significa que será sempre retraído. Apenas necessita de mais confiança no parceiro.

Porém, isso pode ser outra amarra, pois quem possui Lilith em Capricórnio tende a colocar a si próprio em primeiro lugar em muitas ocasiões como maneira de se preservar e o que conquistou, de modo que o parceiro pode nem sempre entrar nessa couraça de “patrão/patroa” e fazer morada.

A pessoa com Lilith em Capricórnio, por outro lado, é muito leal e fará de tudo para que os outros se sintam confortáveis ao seu redor. É marcante, pois é alguém fiel àquilo que se propõe e não medirá esforços para a felicidade dos seus.

Os indivíduos com Lilith em Capricórnio, no entanto, podem se entediar com facilidade quando não estimulados, de modo que devem constantemente estar no olho do furacão para se sentirem úteis e produtíveis, o que pode gerar alguém estressado e que desconta sua fúria em quem nada tem a ver.

Os nativos de Lilith em Capricórnio precisam exercitar sua paciência, de modo que meditação, oração e um tempo para si próprios é de extrema necessidade para apaziguar a influência de Lilith em suas mentes racionais e rápidas, repletas de sede de conquista.

Recomenda-se, por fim, folhas de limão, guaraná e nozes para energizar a vida corrida e sincronizá-la com mais leveza.

Você gostou de nosso artigo sobre Lilith em Capricórnio? Lembrando que é importante conhecer a nossa Lilith, pois a nossa sombra é uma parte importante de nós e pode ser uma grande aliada caso seja trabalhada.