Inferno astral de Escorpião – veja como agir nesse período



Compartilhe tudo sobre os signos:

A influência da astrologia na vida é, sem dúvida, uma vigilância eterna sobre como os astros nos influenciam. A posição dos planetas pode desencadear sentimentos específicos para cada signo, assim como as fases da Lua, que agem no movimento das marés e têm forte influência sob os signos (alguns mais e outros menos). 

Porém, nenhum deles nos influencia como o Sol. O Astro Rei percorre, dia por dia, um grau dentro do ciclo anual astrológico, sendo que permanece cerca de um mês em cada signo, como é o caso de Escorpião, tema deste texto. 

inferno astral de escorpião

Como nem toda a influência proporciona resultados positivos, há um momento do ano para cada signo que tudo parece dar errado, planos não vão para a frente, expectativas são frustradas, algumas pessoas se sentem pessimistas, nervosas, confusas e até mesmo com medo. Esse momento é o inferno astral, que recebe esse nome nada convidativo porque além da passagem solar, há também o fechamento de um ciclo.

No caso do inferno astral de Escorpião, o ciclo começa no dia em que a pessoa escorpiana faz aniversário, mas termina apenas um dia antes dele. A passagem solar pela casa astral renova as energias, nos deixa prontos para mais um ciclo inteiro cheio de novas surpresas e aventuras. 

Conforme os dias avançam, nós gastamos as energias, até que próximo do fim do ciclo, quase não há ‘bateria’, e é justamente essa carência energética com a passagem do Sol, que cria uma fase tão mal compreendida como o inferno astral de Escorpião. Sim, mal compreendida por que o inferno astral não é apenas um completo inferno, mas uma oportunidade de melhorar como indivíduo, de obter autoconhecimento, refletir sobre atitudes, projetos e metas realizadas no último ano. 

Agora que você já sabe o que é essa fase tão complicada na vida astrológica, está na hora de aprender a como descobrir o inferno astral, assim, você poderá ajudar alguém que conhece a passar pelo inferno astral de Escorpião. 

Como descobrir o inferno astral?

Existem duas formas práticas de descobrir o período de inferno astral. Para a primeira, você vai usar um calendário. Anote a data de nascimento da pessoa nativa de Escorpião, que pode ser de 23 de outubro a 21 de novembro. Vamos supor que a data de nascimento seja em 5 de novembro. Como o inferno astral dura 30 dias e termina apenas um dia antes do aniversário, você deve contar até praticamente um mês antes. Nesse caso, o inferno astral de Escorpião será entre 6 de outubro e 4 de novembro.

Já na outra forma, você precisa saber a ordem astrológica dos signos. Como estamos falando sobre o inferno astral de Escorpião, vamos tomar ele como base para entender. Você deverá contar, em ordem astrológica, 12 casas astrais, começando pela de Escorpião. Nesse sentido, a décima segunda será o signo de inferno astral da pessoa escorpiana, Libra. Agora que você já sabe o que é inferno astral e aprendeu a identificar o inferno astral de Escorpião, está na hora de entender quem é esse misterioso povo escorpiano que vive nas profundezas astrais.

Quem são as nativas de Escorpião? O que comem? Como vivem?

Escorpião é um signo representado pelo elemento Água e que tem uma característica peculiar, possui dois planetas regentes. O principal é Plutão, que, de todos os regentes, é o mais distante do Sol.

Já o segundo planeta é Marte. E essa distinção dos outros signos se deve ao fato de que, por muito tempo, a astrologia ponderou Marte como o planeta regente de Áries e Escorpião, signos com características impulsivas, movidos pela emoção. Contudo, na década de 1930, Plutão foi reconhecido como um planeta, assim, tornou-se o regente de Escorpião, ainda que atualmente ele seja categorizado como planeta-anão. 

O misterioso povo escorpiano vive nas profundezas místicas do universo, mas bem que poderia ser do oceano também, levando em consideração o elemento Água. São pessoas muito intuitivas e psíquicas, que pegam segredos nas entrelinhas, decifram sentimentos e angústias rapidamente, mas com tendência de tornar isso e outras situações uma obsessão, ainda mais pelo foco, que eles possuem de sobra. Além disso, conhecem (pelo menos) um podre de todas as pessoas que os cercam.

O nativo de Escorpião não é exatamente traiçoeiro, pelo contrário, pode se tornar uma parceria amorosa para a vida inteira, ainda mais com lealdade e fidelidade de sobra. Contudo, quando se sentem feridos ou traídos, podem revelar seu lado vingativo, o que não os torna traiçoeiros sempre, pelo contrário. Em uma situação de perigo, revelam o ferrão.

Agora que você já sabe o que é inferno astral, aprendeu sobre quem são as pessoas nativas de Escorpião, e já sabe como descobrir o inferno astral, está na hora entender o que exatamente o povo escorpiano passa durante o inferno astral de Escorpião.

O que é o inferno astral de Escorpião?

Intensidade, sede de vingança e muito ciúme. Esses três elementos formam o inferno astral da pessoa escorpiana. No âmbito social, os nativos de Escorpião terão muita dificuldade de socializar e conviver com outras pessoas. Em geral, são mais introspectivos, quietos e observadores, ainda que estejam super empolgados para participarem de tudo. 

Para o bem, ou para o mal, durante o inferno astral de Escorpião, todos os efeitos serão intensos. Ele irá amar com intensidade, será muito cordial, além de extremamente dedicado. Mas olha só: a intensidade também é o infortúnio daqueles cujo desgosto escorpiano tomou conta. Se a pessoa de Escorpião tiver motivos para não gostar de você, tome cuidado durante o interno astral para não levar uma ferroada.

Falando em ferroada, no inferno astral de Escorpião, o plutônico escorpiano estará mais vingativo do que nunca, sem mencionar o rancor. Jogará situações na cara pelo puro prazer de demonstrar a injustiça sofrida, criará situações vingativas apenas para compensar a traição sofrida há milênios, sem pestanejar.

O sentimento de posse estará em altas atitudes oceânicas. O habitante das profundezas escorpianas ressurgirá com uma carência astronômica. Irá querer conversar, receber atenção e, mesmo que você saia andando e se tranque no banheiro, a pessoa escorpiana ficará do lado de fora tagarelando. 

No inferno astral de Escorpião, amar será uma missão de prioridade. Será intenso? Muito. O amor escorpiano é tão forte quanto o amor materno. Porém, o amor pode se tornar algo possessivo e desencadear ciúme doentio, sem sentido algum.

Como superar o inferno astral de Escorpião?

Mais importante do que aprender a superar, é ressaltar que, apesar da dificuldade e extremismo desencadeados pelo inferno astral de Escorpião, esse momento é de reflexão e autoconhecimento. Canalize a dificuldade do período e converta esse sentimento forte de amor em amor-próprio. Procure fazer planos para o próximo ciclo astrológico, faça uma análise sobre atitudes desde o último aniversário. Veja o que pode ser útil e o que pode ser descartado. 

E olhe só: escorpiano, escorpiana, nem todas as pessoas que magoam realmente tiveram essa intenção. Talvez, tenha sido apenas uma impressão sobre algo que não foi uma mágoa. Evite causar uma confusão desnecessária, esteja longe de intrigas e, mais importante ainda, evite criar mágoas em outras pessoas. Aproveite esse tempo para estar sozinho e meditar em busca de autoconhecimento. Encontre um local que seja tranquilo, que te faça sentir-se bem. Mais do que trinta dias ruins na vida, o inferno astral de Escorpião permite assumir o controle quando tudo é mais intenso.