A Era de Áries: quando foi e o que aconteceu?



Sem dúvidas a Astrologia faz parte do nosso cotidiano, não é mesmo? Mas, o Zodíaco está presente na vida humana desde os seus primórdios! Na Mesopotâmia (onde reinavam os Sumários, Assírios e Babilônios), por exemplo, as pessoas já voltavam os seus olhos para os céus, cultuando os Astros da mesma maneira que cultuavam a Natureza.

Desde os anos 1960, outro termo que está ganhando espaço são as Eras Astrológicas, você já ouviu falar delas? A compreensão do que é uma Era Astrológica é fácil e complexo ao mesmo tempo.

era de áries





e

Características dos signos

Você sabe o que é o Equinócio de Primavera? Esse termo é muito importante! No Hemisfério Norte, o Equinócio de Primavera no Polo Celeste (que é uma equivalência ao Polo Terrestre do Equador, que vai de leste a oeste) é o ponto que indica o início de uma nova Era Astrológica.

O Polo Celeste leva, aproximadamente, 25.794 anos para completar uma volta inteira. Porém, há 12 signos do Zodíaco, certo? Então, divide-se 25.794 por 12 e chega-se à conclusão (não é, no entanto, um consenso entre todos os especialistas) de que cada Era Astrológica dura, aproximadamente, 2000 anos.

Cada Era Astrológica tem um signo específico que a rege. Ou seja, o mundo vive conforme os padrões do signo regente desta era. E não é só isso: estudos defendem que cada Era Astrológica possui uma personalidade marcante, que apresenta uma visão diferente de ver o mundo. No caso da Era de Áries, temos a figura de Moisés, que libertou os judeus do jugo egípcio (um povo que marcou a Era de Touro). Também cultuavam o velocino de ouro e o cordeiro pascal, figuras que lembram o signo de Áries.

Quer saber mais sobre a Era de Áries e como era o Mundo na Era de Áries? Então, continue lendo este artigo.

Significado da Era de Áries

Áries é um signo governado pelo elemento Fogo, e tem como principais características a iniciativa, a determinação, a assertividade, a impulsividade, a coragem, a liderança etc. e são essas as características que marcaram a Era de Áries.

Libra, signo oposto complementar de Áries, teve um papel determinante na Era de Áries. Este é um signo diplomata, que busca pelo equilíbrio. Então, são marcos da Era de Áries trazidos pela influência de Libra o Budismo e o Confucionismo. A famosa cidade de Atenas também recebeu grande influência libriana.

Capricórnio estava no Meio do Céu, trazendo muita riqueza para os povos nesta época. Além disso, é o momento em que os reis são figuras sagradas, protegidas pelo poder da tradição.

Quando foi a Era de Áries

Não há um consenso entre os estudiosos em relação a quando começou uma Era Astrológica e quando ela finalizou. Mas, sabe-se que a Era de Áries aconteceu entre os anos de 2.300 a.C. e 150 a.C., aproximadamente.

O mundo na Era de Áries

Durante a Era de Touro, o que governou foi o vínculo com a terra. Porém, quando chegou a Era de Áries, a civilização egípcia (ícone da era anterior) passou a declinar e, para “se segurar”, procurou expandir o seu território. Outra coisa que declinou durante a transição destas Eras Astrológicas foi o matriarcado. É importante lembrar que, nessa época, os cidadãos que tinham o poder de decisão eram apenas homens, enquanto as mulheres cuidavam das casas.

O ferro – metal regido por Áries – passou a ser utilizado, sobretudo na guerra. Lembrando que o signo de Áries é regido por Marte (ou Ares, na Mitologia Grega), que é, justamente, o Deus da Guerra. Foi a Era Astrológica das conquistas, da iniciativa, do poder militar e da descoberta de novas terras, subjugando os povos que existiam antes.

As terras do Oriente Médio, que antes prosperaram por conta da fertilidade, foram invadidas pelos bárbaros do Norte, por conta do seu poder militar. Foi nessa Era Astrológica que o ocidente começou a ganhar força e dominar as terras orientais.

Áries é um signo essencialmente masculino e, por isso, os efeitos da Era de Áries foram, em linhas gerais, a criação do culto à masculinidade e à virilidade e o surgimento da figura do Herói, que representa todos os valores masculinos.

Os marcos da Era de Áries que se destacaram também seguiram estes padrões: as Olimpíadas foram criadas nesta época e as famosas batalhas de Gladiadores, que levavam milhares de pessoas ao Coliseu.

No mundo na Era de Áries, povos passaram a se fundir (tal qual os minerais) e criaram as bases da civilização europeia que conhecemos atualmente.

O mundo na Era de Áries teve como grande influência o Deus da Guerra, Marte. Por isso, a figura que se destaca foi Moisés. Lembra de quando ele destruiu o bezerro de ouro? Este é um grande marco da Era de Áries e que indicou a queda da Era de Touro.

Deus era o fogo que punia e que exigia sacrifícios para mostrar a fé, sobretudo de carneiros (animal que representa o signo de Áries). E a figura de Moisés, sob a qual criou-se as bases do Antigo Testamento, dominou o seu povo com sua força e liderança firme. Foi só 2000 anos depois que Jesus Cristo surgiu, dando início à Era de Peixes e seu ideal de fraternidade e de Amor ao Próximo.

Alexandre, O Grande, da Macedônia, foi o maior exemplo do poder do poder militar e conquistador da Era de Áries. Aos 18 anos, no auge de sua masculinidade e virilidade, Alexandre recebeu a educação grega e fez uma campanha militar que criou o Império Helenístico, que fundiu diversas regiões da Ásia sob a cultura grega.

Curiosamente, o império de Alexandre, O Grande, também marcou o início da Era de Peixes, pois foi a base para o que se tornou a religião Cristã, representada por Jesus Cristo.

Você gostou do nosso artigo sobre a Era de Áries? Já havia pensado que as grandes conquistas e a ascensão de Esparta aconteceram por conta de um evento astrológico?

Compartilhe em suas redes sociais e continue navegando em nosso blog para saber tudo sobre as Eras Astrológicas e a Astrologia!